Notícias

Uma grande mudança de hábitos é necessária até 2050, alertam especialistas

Compartilhe:     |  18 de janeiro de 2019

Lancet publicou na última quarta-feira (16) um relatório sobre comida no antropoceno, conceito usado por muitos cientistas para demarcar uma nova era geológica, em que o planeta foi definitivamente transformado pela ação humana. Pois bem, o documento propõe equilibrar nossas necessidades nutricionais para uma vida saudável com a sustentabilidade dos sistemas alimentares.

A informação é publicada por Outra Saúde.

O primeiro passo é reduzir drasticamente o consumo de carne. Deve ser consumida uma vez por semana. Isso porque além de evidências apontarem que o consumo de carne vermelha eleva o risco de problemas cardíacos, a produção em larga escala de gado é um problema ambiental: toma vastas extensões de terra e os rebanhos produzem gás metano, que contribui para o efeito estufa. O consumo de ovos também deve ser reduzido a quatro vezes por semana. Vegetais devem ser consumidos em abundância. E os grãos refinados devem ser substituídos pelos integrais. Os especialistas acreditam que uma grande mudança de hábitos é necessária até 2050.



Fonte: REVISTA IHU ON-LINE



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Colecionadores de fãs, os siameses são inteligentes, comunicativos e brincalhões. Conheça curiosidades da raça

Leia Mais