Notícias

USP desenvolve kit com lâmpadas de LED que permite cultivar jardim em casa sem iluminação

Compartilhe:     |  15 de novembro de 2019

Pesquisadores da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq-USP) desenvolveram um kit que permite ter um jardim em ambientes com pouca iluminação. O material utiliza a luz de LED e fibras sintéticas para instalar o sistema verticalmente sem precisar de reforma na casa. Além disso, a lâmpada utilizada no kit teve o custo reduzido em 60% no mercado.

O professor Paulo Hercilio Viegas Rodrigues, do Departamento de Produção Vegetal da Esalq em Piracicaba (SP), explica que esse modelo de cultivo foi desenvolvido em parceria com empresas do setor de agricultura para uso em plantas ornamentais.

Ele foi testado com Sunpatiens, Mini lantana, Lambari de sol, Iresine, Gerânio, Samambaia Americana, Jibóia Verde, Samambaia Amazônica, Peperomia Scandens e Bromélia.

A iluminação de LED já é usada em cultivos de hortas e jardins, mas a diferença é que os pesquisadores conseguiram manter a vegetação em ambientes sem nenhuma luminosidade, permitindo ter o kit em apartamentos pouco iluminados pela luz solar, por exemplo.

Pesquisadores da Esalq montaram kit pra cultivar horta doméstica em lugares mal iluminados

Pesquisadores da Esalq montaram kit pra cultivar horta doméstica em lugares mal iluminados

“Nós procuramos trazer as plantas ornamentais para dentro da residência. Nós testamos diferentes tipos de LED, que fazem a substituição completa da luz solar, na escuridão total. E a luz de LED vai fazer com que a planta faça a fotossíntese”, explica.

As plantas foram fixadas na parede com a ajuda de uma fibra sintética e uso de irrigação hidropônica, além da iluminação de LED de cor mais neutra. A ideia era mudar a cor do LED para que o ambiente ficasse mais aconchegante.

Segundo ele, em quase quatro meses de pesquisa, as plantas verdes tiveram uma resposta muito boa, já permitindo o cultivo em casa. O próximo passo é testar a tecnologia para cultivo de temperos, permitindo que as pessoas possam ter uma horta mesmo em imóveis que não têm iluminação ideal para este tipo de cultura.

Sistema desenvolvido na USP em Piracicaba usa lâmpadas de LED com cores mais 'aconchegantes' — Foto: João Alvarenga/EPTV

Sistema desenvolvido na USP em Piracicaba usa lâmpadas de LED com cores mais ‘aconchegantes’ — Foto: João Alvarenga/EPTV

Todo este cultivo é feito em um painel vertical que faz a rega hidropônica das plantas sem que a água escorra da área. Para isso, ela corre para uma canaleta, que “devolve” a água para um tambor e ela é reutilizada no próprio sistema.

Com isso, os pesquisadores também conseguiram reduzir o consumo de água, já que ela deve ser trocada somente entre uma semana a 15 dias – dependendo do tipo de planta. Os pesquisadores lembram que só é necessário o acréscimo de nutrientes para o desenvolvimento da vegetação.

Sem reformas e mais barato

O sistema desenvolvido na universidade permite ainda que este jardim seja instalado em paredes sem a necessidade de reforma. O painel tem duas barras de alumínio atrás. Elas são parafusadas sobre a parede e os painéis são encaixados sobre essas barras.

“Com esse sistema, se consegue em quase todas as paredes colocar ele porque é um sistema bem mais leve. Por isso que a gente optou por usar esse painel. Vem ganhando bastante mercado por causa dessa característica de fácil instalação, ser leve e ter uma alta durabilidade”, explica o pesquisador Christian Aparecido Demetrio.

LED usado em cultivo pela Esalq/USP torna jardim cerca de 60% mais barato em pesquisa de Piracicaba — Foto: João Alvarenga/EPTV

LED usado em cultivo pela Esalq/USP torna jardim cerca de 60% mais barato em pesquisa de Piracicaba — Foto: João Alvarenga/EPTV

O sistema desenvolvido na Esalq também vem se tornando mais barato. Uma empresa brasileira que vem desenvolvendo lâmpadas para esse sistema, baixou de R$ 1 mil para R$ 400 o valor de cada lâmpada usada pelos pesquisadores. Essa empresa, no entanto, ainda não disponibilizou seu produto no mercado. Para a pesquisa, cada item teve o custo de R$ 700.

Pesquisa desenvolveu jardim vertical com LED para cultivo em ambientes sem luz — Foto: Esalq-USP/Divulgação

Pesquisa desenvolveu jardim vertical com LED para cultivo em ambientes sem luz — Foto: Esalq-USP/Divulgação



Fonte: G1 Piracicaba e Região



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais